top of page
  • A CASA AO LADO

2º Edição "TEAR" - Territórios Artísticos

A 2a Edição do TEAR- Territórios Artísticos está já patente no Museu da Indústria Têxtil da Bacia do Ave até 31 de Janeiro de 2024.

O TEAR - Territórios Artísticos, é um Festival de Arte Pública Comunitária que encontra a sua justificativa no inegável papel preponderante que a arte pública urbana, assume, atualmente, em Portugal e no mundo, no carácter inventivo e inclusivo que a arte e a cultura, podem, e devem, assumir na criação do futuro de qualquer sociedade.

Encontra a sua pertinência em Vila Nova de Famalicão, pelas suas características históricas, a sua singularidade e abrangência, não apenas enquanto território físico, mas como vertente cultural e industrial.

O Centro Artístico - A Casa ao Lado como curador do projeto, no desenvolvimento das suas atividades tem focado uma parte significativa do seu trabalho na criação de uma plataforma de projetos com a Comunidade ligados à área da Dinamização Social e Cultural. Esses projetos consistem em ações na área de desenvolvimento da Educação Artística, cujo objetivo maior é o da Inclusão Social através da Arte e Intervenções Urbanas.

Numa sociedade que sofre mutações constantes e onde o desenvolvimento e aplicação de novas tecnologias são a força motriz da evolução, a criatividade surge como «ferramenta» fundamental ao indivíduo contemporâneo. Nesta 2a Edição o TEAR, tem como objetivo promover a experiência cultural e reforçar a coesão social, territorial e internacional, dando relevância à Indústria Têxtil tendo como base de trabalho, o Homem/Máquina.










Comments


bottom of page