Na qualidade de Clube UNESCO, A Casa ao Lado em interligação com o Município de Vila Nova de Famalicão e a Comissão Nacional da UNESCO apresentam o 1º Festival de Arte Pública Comunitária em Vila Nova de Famalicão - TEAR - Territórios Artísticos.

O Festival TEAR interliga a vertente artística do Projeto no contexto Têxtil/ Sustentabilidade com questões estratégicas da UNESCO, como a promoção de uma cultura de paz e diálogo intercultural, tendo neste primeiro ano, os Direitos Humanos como tema principal. Os participantes poderão abordar estas questões de forma transversal, sendo os resultados finais sempre apresentados em forma de Mostra de Arte Pública.

Pelo CITEVE e pelo CeNTI, centros de conhecimento, investigação e inovação de dimensão mundial, pelo Museu da Indústria Têxtil da Bacia do Ave, guardador de um património industrial único, pela Associação Têxtil e do Vestuário de Portugal, instalada no Concelho, pelo Cluster Têxtil: Tecnologia e Moda, de dimensão nacional, mas cujo centro nevrálgico está neste concelho.

O Festival TEAR, pretende promover a experiência cultural e reforçar a coesão social, territorial e internacional, dando nesta 1ª Edição, relevância à Indústria Têxtil e aos Direitos Humanos como base de trabalho.

Entre 24 de Maio a 11 de Junho 2021, três semanas de cruzamentos disciplinares, exposições e Webinars com participantes internacionais serão a base do Festival TEAR. Escolas e Instituições de diferentes nacionalidades com ligação à UNESCO, terão a oportunidade de criar, um trabalho baseado na interligação da Indústria Têxtil e dos Direitos Humanos.

Visitas virtuais a empresas famalicenses que tenham encontrado formas de implementar práticas sustentáveis na indústria Têxtil e do Vestuário, assim como a base histórica e identitária do Concelho em termos do desenvolvimento da Indústria Têxtil serão de extrema importância para o desenvolvimento do Projeto.

O TEARTerritórios Artísticos pretende em articulação com o projeto do Pelouro da Educação da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão “De Famalicão para o Mundo” em vários níveis de ensino, mediante preenchimento de ficha de participação, dar a conhecer a História e Património Local relacionado com a Industrialização Têxtil do concelho de Vila Nova de Famalicão.

Fonte: The U.S. National Archives

Fotografo: Lewis Hine

“Defender os direitos de outrem, é defender a nossa humanidade comum. Num mundo conturbado, esta solidariedade nunca foi tão importante, para celebrarmos a diversidade que enriquece as nossas vidas e defendermos os valores que nos unem. Esta ideia deve ser alimentada, partilhada e defendida por cada um de nós na sua própria vida, através do respeito mútuo, da compreensão e do diálogo. Desta forma, juntos fortalecermos os fundamentos de uma sociedade mais inclusiva, pacífica e tolerante.”

Irina Bokova

WEBINAR

De forma a enriquecer pedagogicamente o TEAR - Territórios Artísticos, em parceria com o Programa Educativo "Famalicão para o Mundo", serão realizadas Webinar's no âmbito da Indústria Têxtil e Direitos Humanos.

MOSTRA DE ARTE PÚBLICA COMUNITÁRIA

Cada participante terá a oportunidade de expor o seu ponto de vista acerca dos Direitos Humanos e da Indústria Têxtil através de uma criação plástica.

Título 2

  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
889186_edited.png

Rua Dr. Francisco Alves 1058 ,  4770-435  Requião ,  Vila Nova de Famalicão , Portugal     |    geral@acasaaolado.com    |    252 115 448 -  934 841 129